WhatsApp Image 2020-02-19 at 11.01.50No âmbito do projecto “Fortalecimento das Capacidades dos Conselhos de Escolas”, decorreu, esta quarta-feira (19.02), em Maputo, o encontro de troca de experiências sobre o funcionamento das Redes dos Conselhos de Escolas (CEs) entre o Centro de Aprendizagem e Capacitação da Sociedade Civil (CESC), o Ministério da Educação e Desenvolvimento Humano (MINEDH), UNICEF e Oxfam.

 

No encontro, foi feita a análise dos Termos de Referências (TdRs) disponibilizados pelo CESC com base no seu trabalho em Tete e partilhou-se experiências do trabalho da Oxfam com Fóruns dos CEs na província da Zambézia.

 

Na reunião, ficou acordado que o CESC e Oxfam deverão partilhar com o MINEDH, toda documentação do processo de criação e funcionamento das Redes dos CEs, uma vez que estas duas organizações possuem experiência de trabalho com os CEs.

 

O objectivo final é influenciar a criação, pelo MINEDH, de um despacho que oriente o funcionamento das Redes/ Fóruns de Conselhos de Escolas.   

Assim, a ideia final é influenciar que o MINEDH crie um Guião Complementar ao Manual do CE, um documento esclarecedor dos papéis da Direcção de Assuntos Transversais (DAT) e Direcção Nacional de Ensino Primário (DNEP) sobre o funcionamento dos CEs e Redes/Fóruns e, por último, um Despacho Ministerial.

Na sua intervenção, o Gestor Provincial do CESC, em Tete, Lázaro Sampo, explicou que este tipo de acções deve garantir que as comunidades locais estejam a par do que está a acontecer nas escolas.

 

Refira-se que, em 2016, o MINEDH, na Conferência Nacional dos Conselhos de Escolas, realizada de 4 a 5 de Novembro desse ano, recomendou como uma das acções de seguimento, a criação de uma plataforma de trabalho, por via de uma Rede Nacional de Conselhos de Escola, integrando um representante dos Presidentes dos Conselhos de Escola a vários níveis (ZIP, Distrital, Provincial e Nacional).

 

O projecto “Fortalecimento das Capacidades dos Conselhos de Escolas” é financiado pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF).

Newsletter

Parceiros financiadores:

usaiddiakoniaagirsueciapaisesbaixosdanidaswiss

governopaaneueukaidirishaidcounterpart